Aviso Legal

Aviso Legal

Oferecemos um benefício social revolucionário para que seus funcionários sejam pagos quando precisarem, com um único clique. Sem gerar custos ou encargos administrativos para sua empresa.

O simples acesso ao Site e/ou ao Aplicativo implica o conhecimento, compreensão e aceitação, necessariamente e sem reservas, dos termos e condições estipulados neste Aviso Legal (os "Termos e Condições"). Assim, recomenda-se que os usuários leiam atentamente estes Termos e Condições, bem como as mensagens, instruções ou avisos que lhes sejam comunicados durante a navegação ou utilização do Site ou o Aplicativo, uma vez que devem cumprir todos eles. Se os Usuários não concordarem com essas disposições, eles não devem usar o Site ou o Aplicativo.

A PAYFLOW reserva-se o direito de modificar ou atualizar os Termos e Condições a qualquer momento e sem aviso prévio, por exigências regulatórias, por motivos técnicos, por alterações nos serviços oferecidos pela PAYFLOW ou por decisões estratégicas da empresa, modificando ou atualização do texto acessível aos Usuários nestes Termos e Condições, pelo que se recomenda que os Usuários o revisem periodicamente.

Caso o Usuário não concorde com as alterações, ele deve parar de usar o Site e o Aplicativo e, quando apropriado, cancelar a inscrição em qualquer registro ou lista de distribuição associada ao Site ou ao Aplicativo. A utilização do Site e/ou do Aplicativo após a realização das alterações implicará a aceitação das mesmas.

Identificação do proprietário do Site e/ou do Aplicativo

O proprietário deste Site e do Aplicativo é a empresa PAYFLOW DIGITAL, S.L. com C.I.F. Nº B-88534219 e sede na Avenida de la Industria, 53, 2º, escritório 5, Alcobendas, Madrid, cadastrada no Registro Mercantil de Madrid.

Seu e-mail de contato: avinash@payflow.es

Objeto do Site e do Aplicativo

O objetivo deste Site é informar o Usuário sobre os serviços prestados pela PAYFLOW. Por sua vez, o objetivo do Aplicativo é permitir que o Usuário solicite pagamentos antecipados de seu salário ou dos valores pendentes de cobrança.

Acesso ao Site e ao Aplicativo

O acesso e a navegação no Website e no Aplicativo, bem como a utilização das suas funcionalidades, são gratuitas. Alguns dos serviços prestados através do Website e do Aplicativo podem ser regulados por condições de utilização, políticas e/ou instruções especiais que, nesses casos, substituirão, completarão ou modificarão o conteúdo destes Termos e Condições.

Os usuários comprometem-se a fazer uso adequado e legal do Site e do Aplicativo de acordo com a legislação aplicável e estes Termos e Condições. Os usuários devem abster-se de:

Fazer qualquer uso não autorizado ou fraudulento do Site ou do Aplicativo;

Acessar ou tentar acessar recursos restritos do Site ou do Aplicativo;

Utilizar o Site e/ou o Aplicativo para fins ilícitos, ilícitos, contrários ao estabelecido nestes Termos e Condições, lesivos dos direitos e interesses de terceiros, ou que de qualquer forma possam danificar, inutilizar ou sobrecarregar ou impedir o normal uso ou aproveitamento do Site ou do Aplicativo;

Causar danos ao Site, ao Aplicativo ou aos sistemas dos seus fornecedores ou de terceiros, bem como, em particular, introduzir ou disseminar vírus informáticos ou quaisquer outros sistemas físicos ou lógicos susceptíveis de causar danos aos sistemas da PAYFLOW, seus fornecedores ou terceiros;

Tentar acessar, usar e/ou manipular os dados da PAYFLOW, terceiros ou outros Usuários;

Aplicar técnicas de engenharia reversa, decifrar, descompilar ou usar qualquer outro sistema para descobrir o código-fonte do Site, do Aplicativo ou de qualquer outro elemento sujeito a direitos autorais ou direitos de propriedade intelectual ou industrial.

Modificar ou tentar modificar o Site ou o Aplicativo ou realizar qualquer ação ou usar meios para alterar sua aparência ou funções; e/ouTentar acessar e/ou usar as contas de e-mail de outros Usuários e/ou modificar ou manipular suas mensagens.

Limitação de responsabilidade

A PAYFLOW não garante a disponibilidade e continuidade do funcionamento do Site ou do Aplicativo. Consequentemente, a PAYFLOW não será responsável em nenhum caso por quaisquer danos que possam resultar de:

A falta de disponibilidade ou acessibilidade ao Website e/ou ao Aplicativo;

Interrupção no funcionamento do Site e/ou do Aplicativo ou falhas informáticas, avarias telefónicas, desconexões, atrasos ou bloqueios causados ​​por deficiências ou sobrecargas nas linhas telefónicas, centros de dados, no sistema de Internet ou noutros sistemas eletrónicos, produzidos no decorrer do curso do seu funcionamento;

Comunicações ou diálogos no decorrer de debates, fóruns, chats e comunidades virtuais que sejam organizados através ou em torno do Site e/ou do Aplicativo, nem será responsável por quaisquer danos sofridos pelos Usuários como resultado de tais comunicações, e/ou diálogos;

Erros ou atrasos no acesso ao Site e/ou ao Aplicativo por parte do Usuario ao introduzir os seus dados no formulário, a lentidão ou impossibilidade de receção das respetivas confirmações por parte dos destinatários ou qualquer anomalia que possa surgir quando esses incidentes se devem a problemas no rede de internet, causas de caso fortuito ou força maior e qualquer outra contingência imprevisível além da boa fé da PAYFLOW;

Perdas, danos ou prejuízos de qualquer tipo decorrentes do acesso e uso do Site ou do Aplicativo, incluindo, mas não se limitando aos produzidos em sistemas informáticos ou causados ​​pela introdução de vírus e/ou ataques informáticos;

A veracidade, integridade ou atualização das informações que não sejam de elaboração própria; e

Outros danos que possam ser causados ​​por terceiros através de interferência não autorizada fora do controle da PAYFLOW.

Sem prejuízo do acima exposto, a PAYFLOW compromete-se a envidar todos os esforços para a resolução de quaisquer problemas que possam surgir e a oferecer todo o apoio necessário aos Usuários para uma solução rápida e satisfatória do incidente.

A PAYFLOW não garante a ausência de vírus ou outros elementos no Site e/ou no Aplicativo introduzidos por terceiros alheios à PAYFLOW que possam causar alterações nos sistemas físicos ou lógicos do Usuário ou nos documentos e arquivos eletrônicos armazenados em seus sistemas. Consequentemente, a PAYFLOW não será responsável em nenhum caso por quaisquer danos de qualquer natureza que possam surgir da presença de vírus ou outros elementos que possam causar alterações nos sistemas físicos ou lógicos, documentos eletrônicos ou arquivos do Usuário.

A PAYFLOW não garante que terceiros não autorizados não possam conhecer as condições, características e circunstâncias em que os Usuários acessam o Site e/ou o Aplicativo. Consequentemente, a PAYFLOW não será de forma alguma responsável por quaisquer danos que possam surgir de tal acesso não autorizado.

Ao assinar estes Termos e Condições, os Usuários declaram que isentarão a PAYFLOW de qualquer reclamação contra ela, sua controladora, diretores, parceiros, funcionários, advogados e agentes decorrentes do descumprimento por parte dos Usuários de qualquer disposição contida nestes Termos e Condições ou qualquer lei ou regulamento que lhes seja aplicável da violação ou violação dos direitos de terceiros.

Em qualquer caso, a PAYFLOW será apenas responsável pelos danos que os Usuários possam sofrer como resultado de ação maliciosa ou manifestamente negligente por parte desta empresa, em relação ao acesso ao Site e/ou ao Aplicativo, à prestação de seus Serviços , bem como a utilização dos Conteúdos, ferramentas e funcionalidades.

Links de terceiros

A PAYFLOW não controla o conteúdo de outros sites a partir dos quais este Site e/ou o Aplicativo podem ser acessados; ou aos quais permite o acesso através de diferentes links. Portanto, a PAYFLOW não se responsabiliza pelas informações nele contidas ou por quaisquer efeitos que possam advir de tais informações. A PAYFLOW disponibiliza tais links aos Usuários, para seu conforto e comodidade, ação que em nenhum caso pode ser interpretada como aprovação ou patrocínio, pela PAYFLOW, dos conteúdos dos referidos sites. A PAYFLOW não oferece nenhuma garantia, expressa ou implícita, sobre a precisão, propriedade, validade ou legalidade de qualquer um dos sites vinculados e seu conteúdo.Se algum Usuário ou terceiro observar que os conteúdos aos quais este Site e/ou o Aplicativo permitem o acesso por meio de links podem ser contrários à lei, à moral ou à ordem pública, devem informar a PAYFLOW por e-mail: avinash@payflow.es

Compensação

Caso a PAYFLOW, suas empresas do grupo ou qualquer outra pessoa envolvida na criação, produção e distribuição deste Site e/ou do Aplicativo sofra qualquer tipo de dano, perda, prejuízo ou custo (incluindo honorários de advogados e solicitadores que teriam for necessário) como resultado de uma violação por parte dos Usuários destes Termos e Condições, eles serão obrigados a ressarcir integralmente os danos causados. O anterior aplicar-se-á, em particular, mas não limitado aos casos em que, como resultado de violações dos Usuários, reclamações de terceiros contra a PAYFLOW ou qualquer uma das empresas do seu grupo. Os usuários isentarão a PAYFLOW e suas empresas do grupo, que poderão reclamar qualquer despesa, custo, dano ou prejuízo que possa ter surgido de suas ações, desde que essa despesa, custo, dano ou prejuízo seja causado pela violação destes Termos e Condições pelo Usuário.

Direitos de propriedade intelectual e industrial

Este Site e/ou o Aplicativo pertencem à PAYFLOW. Seu conteúdo (incluindo, mas não limitado a seu código fonte, marcas, imagens, ícones, desenhos e apresentação geral) estão protegidos, de acordo com as normas espanholas, comunitárias e internacionais, por direitos autorais, marcas e outros direitos de propriedade intelectual e propriedade industrial de propriedade da PAYFLOW, suas empresas do grupo ou de terceiros. O acesso a este Site e/ou ao Aplicativo não confere em nenhum caso, nem pode ser interpretado como autorização ou licença de qualquer tipo sobre tais conteúdos e direitos.

Da mesma forma, determinados nomes comerciais, marcas, logotipos, slogans e outros materiais exibidos neste Site e/ou no Aplicativo estão devidamente registrados em nome da PAYFLOW ou de outras entidades. Os usuários não estão autorizados a utilizar qualquer um desses elementos, cuja propriedade permanecerá, em qualquer caso, sob a propriedade da PAYFLOW ou das referidas entidades.

Qualquer ato de reprodução, distribuição, transformação ou comunicação pública, bem como qualquer tipo de transferência, de todo ou parte do conteúdo do Site e/ou do Aplicativo e/ou, em geral, qualquer ato de exploração de todo ou parte dos conteúdos (imagens, textos, design, índices, formulários, etc.) de acordo com os regulamentos de propriedade intelectual e industrial.

Em particular, os Usuários não poderão, em nenhum caso, explorar ou utilizar comercialmente, direta ou indiretamente, no todo ou em parte, nenhum dos conteúdos que compõem o Site e/ou o Aplicativo, bem como modificar, copiar, distribuir, transmitir, exibir, anunciar, vender e/ou licenciar qualquer conteúdo do Site e/ou do Aplicativo ou criar trabalhos deles derivados, sem a autorização prévia por escrito da PAYFLOW e, se for o caso, também de seu proprietário. Qualquer autorização ou licença no Site e/ou no Aplicativo e seu conteúdo não implica, em nenhuma hipótese, a renúncia, transmissão ou cessão, no todo ou em parte, de qualquer um dos direitos mencionados.

Os usuários poderão, de tempos em tempos, imprimir cópias das páginas individuais do Site ou do Aplicativo, desde que o façam para uso pessoal, não comercial, e mantendo, sem alterações, os sinais referentes a direitos autorais, marcas registradas, e qualquer outra identificação relativa aos direitos da PAYFLOW ou de terceiros. É totalmente proibida a realização de qualquer outro tipo de cópia, seja em formato eletrónico, em papel ou de qualquer outra forma.

A PAYFLOW reserva-se expressamente quantas ações civis e criminais, de acordo com a legislação espanhola e estrangeira, podem corresponder a ela como resultado da violação da posse pacífica e/ou uso não autorizado de seus direitos de propriedade industrial e intelectual.

Proteção de dados

A navegação e o uso de determinados serviços neste Site e/ou no Aplicativo podem exigir que os usuários forneçam dados pessoais. A PAYFLOW processa este tipo de informação em conformidade com a legislação aplicável, de acordo com o disposto nas políticas de privacidade abaixo indicadas e que fazem parte destes Termos e Condições.

Política de privacidade do site.

Política de Privacidade do Aplicativo.

Política de cookies.

Durante a navegação no Site e/ou no Aplicativo será utilizada a utilização de cookies, cuja utilização será regulamentada, de acordo com o disposto na regulamentação aplicável e com as disposições das políticas de cookies abaixo indicadas e que, por sua vez, faz parte da Política de Privacidade.

Acesso à nossa política de cookies

A este respeito, informamos que os cookies são pequenos ficheiros de dados que são armazenados no terminal do Usuário que visita o Site e/ou no Aplicativo e que contêm ou armazenam determinadas informações sobre a visita ao mesmo.

Notificações

A PAYFLOW poderá efetuar as devidas notificações através do endereço de e-mail fornecido pelos usuários nos formulários.

Cessão

Os usuários não podem ceder seus direitos e obrigações sob estes Termos e Condições sem o consentimento prévio por escrito da PAYFLOW. Da mesma forma, a PAYFLOW pode transferir para qualquer entidade incluída dentro de seu grupo de empresas, em todo o mundo, bem como para qualquer pessoa ou entidade que a suceda no exercício de seus negócios por qualquer título.

Condições Gerais

O que é o “Serviço de Provisão de Liquidez do Empregado”?

É um serviço que consiste na gestão dos pedidos de liquidez (“Pedido de Liquidez”) efetuados através do Aplicativo Móvel Payflow (“aplicativo móvel Payflow”) pelos colaboradores das Empresas que tenham acordado com a Payflow o financiamento do pagamento destes Pedidos de Liquidez. Os Trabalhadores (“Usuários”) podem realizar Solicitações de Liquidez por meio do aplicativo móvel Payflow para atender às suas necessidades imediatas de liquidez, descontando posteriormente de sua folha de pagamento o valor recebido pela prestação do Serviço de Provisão de Liquidez para funcionários. Os trabalhadores (“Usuários”) poderão fazer a Solicitação de Liquidez até o valor equivalente às percepções salariais auferidas no mês corrente pelo trabalho realizado na Empresa, tendo como limite o valor líquido a ser recebido com vencimento mensal. O Pedido de Liquidez não implica o exercício pelo Usuário do direito reconhecido aos trabalhadores no artigo 29.º do Estatuto do Trabalhador, aprovado pelo Real Decreto Legislativo 2/2015, de 23 de outubro, relativamente à possibilidade de receber, sem a data definido para pagamento, adiantamento por conta de trabalho já realizado ("Direito Adiantamento de Folha de Pagamento"), nem implica renúncia do Usuário ao exercício do Direito de Antecipação de Folha de Pagamento. Assim, o Usuário poderá, a qualquer momento, exercer seu direito ao adiantamento da folha de pagamento, reconhecido pelo Estatuto do Trabalhador, através dos canais estabelecidos para o efeito pela Empresa Contratante do Usuário, embora não possa solicitar à Empresa adiantamento da folha de pagamento de valores previamente recebidos. através do Serviço de Provisão de Liquidez para Colaboradores da Payflow. Com a aceitação das presentes Condições Gerais, o Usuário entende e aceita que ao solicitar um Pedido de Liquidez não está a exercer o direito ao adiantamento da folha de pagamento previsto no artigo 29.º do Estatuto do Trabalhador.

Quem fornece o “Serviço de Provisão de Liquidez do Empregado”?

O Serviço de Prestação de Liquidez a Colaboradores é prestado pela Empresa Payflow Digital, S.L., de nacionalidade espanhola, NIF nº B-88534219, e endereço na Avenida de la Industria, número 53, 2º, Escritório 5, C.P. 28108 registrado no Registro Mercantil de Madri, no volume 39921, folha 180. A Payflow financia às Empresas o valor dos Pedidos de Liquidez feitos pelos Usuários através do aplicativo móvel Payflow, e entrega diretamente ao Usuário o valor da liquidez solicitada. Os usuários devem se cadastrar previamente no aplicativo móvel Payflow para realizar seus Pedidos de Liquidez. Como usuário do serviço Payflow, você pode entrar em contato conosco a qualquer momento por e-mail endereçado a avinash@payflow.es

Quem pode se registrar como usuário no aplicativo móvel Payflow?

Qualquer pessoa singular residente em Portugal, maior de idade, que tenha uma relação laboral com uma Empresa aderente ao Serviço de Prestação de Liquidez para Funcionários da Payflow e pretenda solicitar liquidez através do aplicativo móvel Payflow. Para tal, deverá (i) descarregar a aplicativo móvel Payflow no seu telemóvel, e (ii) concluir o processo de registo como usuário do Serviço de Prestação de Liquidez a Colaboradores, fornecendo os dados solicitados pela Payflow.

Como me posso registar como Usuário?

Para beneficiar do Serviço de Prestação de Liquidez a Colaboradores disponibilizado pela Payflow, o Usuário deverá registar-se previamente no aplicativo móvel Payflow, seguindo os seguintes passos:

(i) Baixe o aplicativo móvel Payflow em seu celular para acessar o processo de registro e cadastro.

(ii) Registar-se como Usuário na Plataforma. Para inscrição e registro será necessário preencher todas as informações solicitadas de forma completa e precisa. Também será necessário atualizá-lo em caso de modificações posteriores.

(iii) Para prestar o serviço adequadamente, o Usuário aceita e consente que a Payflow colete informações diretamente da Empresa sobre o valor líquido a ser recebido com vencimento mensal pelo Usuário.

(iv) No âmbito do processo de registo e registo e etapa prévia e imprescindível para poder efetuar um Pedido de Liquidez, o Usuário deve:

a. Aceite expressamente estas condições gerais (as "Condições Gerais").

b. Tendo aceite a política de privacidade e proteção de dados (“Política de Privacidade”) acessível no processo de registo e registo do aplicativo móvel Payflow

Como posso fazer um Pedido de Liquidez?

Uma vez concluído o processo de cadastro e cadastro, o Usuário poderá fazer a Solicitação de Liquidez no aplicativo móvel Payflow. Para efetuar a Solicitação de Liquidez, o Usuário deverá:

(i) abrir o aplicativo móvel,

(ii) insira o PIN de segurança pessoal que lhe dá acesso à funcionalidade do aplicativo móvel,

(iii) solicitar o valor que deseja receber e

(iv) confirmar o valor que deseja receber.

O que é o “Período de Liquidação”?

O Período de Liquidação é o intervalo de tempo entre a Data Limite do mês anterior ao mês atual e o dia anterior à Data Limite do mês civil atual, ambos inclusive.

Quando o valor solicitado é descontado da folha de pagamento?

Quando a Solicitação de Liquidez for realizada no mês corrente anterior à “Data Limite”, o valor recebido será descontado da folha de pagamento mensal correspondente ao mês-calendário em que o usuário efetuou a Solicitação de Liquidez. Quando o Pedido de Liquidez for realizado no mês corrente, mas após a "Data Limite", o valor recebido também poderá ser deduzido da folha de pagamento mensal correspondente ao mês civil em que o usuário efetuou o Pedido de Liquidez, desde que a os processos internos de geração e liquidação da folha de pagamento permitem isso. Quando o Pedido de Liquidez for efetuado no mês corrente após a "Data Limite" e apenas no caso em que o valor recebido não tenha sido descontado na folha de pagamento mensal correspondente ao mês civil em que o usuário efetuou o Pedido de Liquidez, este será descontado na folha de pagamento mensal correspondente ao mês civil seguinte em que o usuário tenha efetuado a Solicitação de Liquidez. Portanto, é possível que o valor solicitado não seja descontado na folha de pagamento mensal correspondente ao mês-calendário em que o usuário efetuou a Solicitação de Liquidez, mas sim na folha de pagamento do mês-calendário seguinte. Com a aceitação destas Condições Gerais, o usuário compreende e aceita a casuística relativa ao momento em que serão descontados da folha de pagamento os Pedidos de Liquidez, que fez ao Payflow.

Custa alguma coisa para solicitar um Pedido de Liquidez?

O Usuário não pagará à EMPRESA qualquer comissão por um Pedido de Liquidez. Para o efeito, com a aceitação das presentes Condições Gerais, o Usuário:

(i) Entende e aceita que o valor recebido pela Solicitação de Liquidez, será deduzido da Folha de Pagamento mensal correspondente, a título de dedução sobre o valor líquido a ser recebido, pela Companhia

.ii) Mandato expresso e irrevogável à Companhia para praticar em sua folha de pagamento a dedução, do valor líquido a receber, dos valores recebidos pelos Pedidos de Liquidez.

O que acontece se a Empresa não reembolsar a Solicitação de Liquidez ao Payflow?

Caso tenham decorrido sessenta (60) dias corridos desde a data de pagamento da Folha de Pagamento, em que a Companhia deveria ter pago à Payflow os valores correspondentes à Solicitação de Liquidez recebida pelo Usuário, a Companhia não pagou à Payflow tal valor, e desde que tais valores não tenham sido deduzidos da folha de pagamento do Usuário, a Payflow poderá reivindicar diretamente o pagamento desses valores do Usuário. Para o efeito, ao aceitar as presentes condições gerais, o usuário aceita expressamente ser fiador solidário da Empresa no caso de ocorrer o referido não pagamento por parte da Empresa.

Quais as consequências do não pagamento por parte do usuário do Pedido de Liquidez recebido indevidamente?

Caso, após o recebimento pelo Usuário de um Pedido de Liquidez ainda não descontado em sua folha de pagamento, tenha ocorrido a extinção do vínculo empregatício entre o Usuário e a Empresa, em decorrência do que e após o cálculo da liquidação de o saldo e a liquidação que corresponde ao Usuário, haja saldo a favor da Empresa contra o Usuário, ou mesmo havendo saldo a favor do Usuário, esse saldo não é suficiente para permitir a dedução do Pedido de Liquidez pendente de dedução, e a Empresa não pagar à Payflow o valor da Solicitação de Liquidez pendente de dedução, o Usuário será obrigado, como fiador solidário da Empresa, a pagar à Payflow o valor da Solicitação de Liquidez acima mencionada que recebeu e não retornou. (“Solicitação Indevida de Liquidez”).

Para o efeito, ao aceitar as presentes condições gerais, o Usuário aceita expressamente ser fiador solidário da Empresa no caso de ocorrer o referido não pagamento por parte da Empresa.

Decorrido o prazo de catorze (14) dias corridos a contar da comunicação pela Payflow ao usuário da obrigação de pagamento do Pedido de Liquidez Imprópria, o Usuário incorrerá numa penalização de 30€ que será adicionada ao saldo pendente de pagamento do Pedido de liquidez imprópria. Decorrido o prazo de 60 (sessenta) dias corridos a contar da comunicação pela Payflow da obrigação de pagamento do Pedido de Liquidez Indevida, e após solicitar o pagamento da dívida, a Payflow procederá à solicitação do cadastro do Usuário e da dívida, em sua condição de dívida certa, líquida, vencida e exigível, nos arquivos de solvência patrimonial apropriados, desde que o capital da mesma seja superior a € 50 e não seja contestado, ou seja, que não tenha sido objeto de reclamação administrativa ou pelo devedor ou através de um procedimento alternativo de resolução de litígios.

A Empresa pode suspender temporariamente o Serviço de Provisão de Liquidez da Payflow Employee para Usuários?

La Empresa podrá suspender temporalmente sin aviso previo el Servicio de Provisión de Liquidez para Empleados a través de la aplicación móvil de Payflow.

Salvaguarda e interpretação

Estes Termos e Condições constituem um acordo entre cada um dos Usuários e a PAYFLOW. Se a autoridade competente declarar qualquer disposição como ilegal, inválida ou inexequível, deve ser interpretada da forma mais próxima da intenção original de tal disposição. Tal declaração sobre uma ou várias cláusulas não prejudicará a validade das demais. O fato de a PAYFLOW não exigir o cumprimento estrito de nenhuma das estipulações contidas nestes Termos e Condições não constitui e não pode ser interpretado em nenhum caso como uma renúncia de sua parte a exigir o cumprimento estrito no futuro.

Idioma

O idioma aplicável a estes Termos e Condições é o português. Portanto, os usuários aceitam expressamente que são regidos por sua versão em português. Caso seja oferecida uma versão em outro idioma, trata-se de mera cortesia, para conveniência dos Usuários.

Como posso cancelar a inscrição como usuário no aplicativo móvel Payflow?

O usuário pode cancelar a inscrição selecionando esta opção no aplicativo móvel Payflow. Em qualquer caso, será necessário que a execução de qualquer pedido de Adiantamento não esteja em andamento.

O que posso fazer em caso de conflito?

Em caso de conflito ou controvérsia com a Payflow, as partes devem tentar resolver suas diferenças de forma amigável. Se não encontrarem uma solução, as partes submetem-se irrevogavelmente, com renúncia expressa à jurisdição que lhes possa corresponder, à jurisdição dos Tribunais e Tribunais da capital de Madrid para dirimir quaisquer questões que possam surgir da interpretação, cumprimento, resolução e execução deste Contrato.

Lei aplicável e jurisdição

Exceto nos casos em que os regulamentos aplicáveis ​​em vigor exijam submissão a uma jurisdição ou legislação diferente, este Site e/ou o Aplicativo, seus conteúdos e Serviços, as relações entre Usuários e PAYFLOW, bem como estes Termos e Condições serão regidos e devem ser interpretado de acordo com a lei espanhola; e qualquer questão ou litígio decorrente ou relacionado a eles será submetido aos tribunais do domicílio do Usuário.